Mariana N. C. Marco - CRP 06 95617

Investir na Carreira

Por que é importante investir na carreira profissional ?

Investir na carreira é fundamental! Aquele que não investe na carreira não conseguirá transformar metas.

No mundo em que vivemos, o trabalho ocupa espaço importante em nossas vidas.

Veja o quão comum é nos apresentarmos dizendo o primeiro nome seguido de uma profissão/atuação.

“Olá, sou Mariana, psicóloga…”.

Por mais filosófica que seja a pergunta “Quem sou eu?” nossa ocupação é parte da resposta.

O fato é que passamos grande parte dos nossos dias envolvidos na condição de trabalhador.

Alguns (e não são poucos) passam mais tempo envolvidos com situações de trabalho e carreira que entre familiares e amigos.

Embora as discussões sobre o tempo que dedicamos ao serviço aponte o equilíbrio entre os mais variados âmbitos como a melhor das opções (e eu concordo com isso!), tem algo sobre a carreira que sobressalta sempre que alguém me procura para algum tipo de orientação.

As pessoas frequentemente se queixam de baixo rendimento (inclusive financeiro!), de pouco reconhecimento dos superiores e de estarem estagnados.

Compreendo o quanto essa situação possa ser desconfortável e, na tentativa de mudança, proponho pensar sobre investimentos.

A princípio, tudo que ouço são justificativas para a ausência do comportamento de investir.

Falta de tempo, falta de incentivo e principalmente, falta de dinheiro.

Primeiro que, por ser tão empregada nos contextos financeiros, tal palavra parece fazer referência apenas à disponibilidade de uma quantia em dinheiro que, se bem aplicado, reverterá em lucro (mais dinheiro!!).

Bom, é indiscutível que ter dinheiro disponível possibilita investimentos na carreira, porém não é deste tipo de investimento que tratarei brevemente neste artigo.

Gostaria de comentar um pouco sobre o potencial do comportamento em empenhar-se e dedicar-se a um plano de carreira.

investir-na-carreira

Quer investir na carreira profissional?

Investir na carreira é fundamental!

Aquele que não investe na carreira não conseguirá transformar metas, sonhos e planos em resultados, negócios e soluções.

E eu não temo dizer aquela frase clichê que “Para ter mais amanhã, você precisa fazer diferente do que faz hoje!”.

Às vezes precisamos fazer mais.

Ser mais ativo, mais participativo, mais interessado…

Às vezes precisamos fazer menos.

Menos concessões, menos comentários antiéticos, menos ausência de cautela…

Dica sobre investir na carreira!

A primeira dica é, que antes de tudo, importantíssimo levar a sério a formação teórica e técnica.

Se você ainda cursa o ensino fundamental e/ou médio ou se ainda não está inserido no mercado, cuide dos seus estudos.

A formação não só amplia suas possibilidades de atuação e acrescenta números em seu salário, mas também te permite aprender uma série de comportamentos que serão úteis em qualquer tipo de trabalho e em qualquer tipo de relação.

Pensar criticamente, saber analisar, diferenciar e selecionar assuntos diversos são fatores seletivos no mercado de trabalho.

Então, cuide da sua formação escolar!

Agora, se você já está inserido e não obtém o reconhecimento que deseja e/ou não consegue alcançar os resultados que gostaria (aqui também entra a insatisfação com seu salário!)…

Proponho uma reflexão:

Você tem se comprometido?

Quero dizer, você faz exatamente o que lhe é solicitado e pronto ou procura aprimorar, inovar, ousar?

Estar “estacionado no trabalho” como diz por aí, tem íntima ligação com a ausência de novos comportamentos.

Como um bom investidor, analise a demanda e os riscos e ouse!

Seja pró-ativo.

As pessoas costumam reconhecer aquilo que um dia já conheceram.

Mostre-se profissionalmente! Seja ético.

Pode parecer uma dica ínfima, mas a conduta profissional ética, mesmo entre corredores e bastidores implica em reconhecimento, sucesso e admiração.

Além de reduzir o risco de ser exposto negativamente no ambiente de trabalho e entre seus clientes.

Profissionais éticos são mais bem recomendados!

Busque feedbacks.

Peça aos colegas, supervisores e gestores que comentem sobre a sua atuação profissional.

Ouça-os. Reflita sobre as críticas apontadas e aceite os elogios, mas cuidado para não se deslumbrar com eles.

Aprenda! Estude, observe, busque informações e pergunte!

Quem galga degraus para uma carreira sólida precisa ser humilde para inovar e precisa ser seguro para arriscar!

A satisfação na carreira pode ir além do retorno financeiro, pode ser, principalmente, o bom resultado do dia-a-dia!

Por Mariana Marco - Investir na Carreira

Mariana Nunes da Costa Marco é psicóloga analista do comportamento.

Mestre em Psicologia do Desenvolvimento e Aprendizagem e especialista em Clínica Analítico-Comportamental.

Atua em São José dos Campos e Região!

Entre em contato e tire suas dúvidas.

CRP 06/95617